TÀPIES – TIERRAS

 tapiespiledesacs

Antoni Tàpies- ” Pilha de sacos”

TÀPIES  – TIERRAS

 

Esta Exposição aconteceu  no Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia,  em Madri de 26 de outubro de 2004 a 17 de janeiro de 2005, para comemorar o Prêmio Velasquez das Artes Plásticas 2003, concedido a Antoni Tapies (1923-2012) por sua trajetória artística.

Como eu tive o privilégio de ver esta linda Exposição na época, resolvi trazer um pouco dela para vocês…através do livro-catálogo…da memória…e das pesquisas na Internet.

Tàpies é conhecido internacionalmente por sua arte inovadora e sempre renovadora.

Nesta Exposição foi trazido um lado um pouco menos conhecido de Tàpies:  seus trabalhos de escultura em “TIERRA- COCIDA”- BARRO.

A terra como matéria, tem sido para o artista,  um elemento primordial em sua obra.Da terra não lhe interessava muito as qualidades plásticas, e sim,  suas propriedades mágicas e de transformação: ALQUIMIA.

 

 

IMG_8594

TÀPIES   literalmente com a mão no barro…

IMG_8595

Estela del Montseny, 1986- esmalte sobre tierra chamotada – Coleção Particular- Barcelona

IMG_8596

Tàpies, Hans Spinner  e outro colaborador trabalhando  na “Cama Aberta” 1986

É neste  universo cerâmico que esta exposição está focada. Seu encontro com o ceramista Hans Spinner em 1981 deu início a uma longa trajetória na Escultura e seus mistérios.

Ao todo a Exposição incluiu um conjunto de “Tierras” e outro de trabalhos em papel, que  complementam  as esculturas e explicam-na melhor ao público.

Tàpies  nasceu em 1923 no bairro gótico de Barcelona, ​​no seio de uma família de classe média da burguesia catalã. Seu pai era advogado e sua mãe pertencia a uma família de tradição libreira.Os seus vínculos com importantes personagens do republicanismo tradicional , de artistas e de  intelectuais nacionalistas, marcaram seu jeito de ser.

Aos 17 anos sofreu uma tuberculose que chegou a provocar um ataque cardíaco. Sua delicada saúde fez com que se transferisse aos arredores da cidade, e o obrigou a passar longas temporadas de repouso.

Sua primeira fase artística foi chamada de  “mágica”, pela grande  influência de Mirò , da psicanálises e da ciência moderna. Entretanto, já neste período se distinguem alguns traços  marcantes de seu trabalho: a experimentação com os materiais e o uso habitual do gratagge e colagem.

Nos anos 50 encontra seu estilo definitivo após uma estadia em Paris.

 

 

tapiescubocruz

Cubo-cruz 1988 -Coleção particular,  Barcelona

IMG_8603

Livro com círculo , 1987- Coleção particular, Barcelona

IMG_8604

Lavadero, 1987- Coleção particular- Barcelona

antonitapiesdivan

Divan, 1987 -Galerie  Lelong,

IMG_8609

Cabeça vendada ,1989- Coleção Fundação Antoni Tapies, Barcelona (foto;Raimon Ramis)

IMG_8610

Antoni e Teresa Tapies , Grasse, abril de 1989

antonitapiesbanheira

Banheira II , 1989- Klosterneuburg- Viena

tapiesCubo

Cubo

tapiespétierras

Tàpies diante do  Pé -1991  Assamblage sobre tierra chamotada -Coleção particular,  Barcelona

IMG_8629

Silhuetas 1988 – Pintura,lápis e colagem sobre papel-cartão-  Coleção Particular ,Barcelona

IMG_8624

Cruz invertida, 2002 – Concreto refratário -Coleção particular,Barcelona

IMG_8645

IMG_8636

Estudo de cadeira , 2002 -pintura, verniz e lápis sobre papel

IMG_8648

(Visited 288 times, 1 visits today)